Apresentação sobre Línguas Artificiais



Quando me pediram para fazer uma apresentação sobre a língua artificial, pensei que "Como posso fazer minha apresentação para que não seja chata?". Certo, "chato" é a palavra que apareceu em minha mente porque eu não queria que minha apresentação fosse muito técnica e difícil de entender para o público. Eles não têm conhecimento lingüístico.

Eu estava ciente de que a língua artificial não é um tópico comum para falar quando discutimos sobre idiomas que aprendemos. Mesmo os estudantes de linguística podem não aprender sobre a língua artificial em seus estudos. Então, o desafio para mim foi como eu posso explicar as línguas artificiais de uma forma o mais fácil possível para os iniciantes entenderem.

In the Land of Invented Languages (Na Terra dos Idiomas Inventados)

A biblioteca da Universidade Ming Chuan, localizada perto de onde eu moro, tem um piso de livros em inglês. Na verdade, é muito difícil encontrar uma biblioteca em Taiwan que tenha tantos livros em inglês, e lembro que peguei emprestado um livro de Arika Okrent chamado "In the Land of Invented Languages".

É um livro especial, na verdade, um dos muitos livros que cobre quase tudo sobre as línguas artificiais. A parte interessante deste livro é que Arika listou 500 línguas artificiais que existem desde o século 12 até 2007.

Eu estava lendo este livro naquele tempo, então apresentei para o público e, depois da minha apresentação, tivemos uma discussão sobre as línguas artificiais. Não foi fácil porque li o livro em inglês e opresentei em chinês. Fiz muita verificação dos termos certos, especialmente os termos da Linguística.

Algumas das línguas artificiais que apresentei foram Klingon, Esperanto, Volapuque, Inglês Básico, Loglan, Lojban, Solresol e Blissymbols. Eu não introduzi todas as línguas artificiais do livro para despertar sua curiosidade sobre o livro e sobre as línguas artificiais.

Você já aprendeu uma língua artificial? Se sim, qual é? Se não, o que você acha das línguas artificiais?

Comentários

Artigos aleatórios

Postagens mais visitadas deste blog

7º Congresso Esperanto Iraniano